segunda-feira, 28 de junho de 2010

*Segue a carta que foi enviada para a direção do curso nesta noite (28/06). Assim que o Diretório tiver mais informações oficiais os alunos serão comunicados.






Aos Prezados Senhores

Tito Livio Lermen
Leandro Otto Hofstätter
Günter Hudler



Sobre a crise no ensino superior


Há dois anos, aproximadamente, os acadêmicos de Comunicação Social do Bom Jesus/Ielusc estão enfrentando um problema crônico de pessimismo. Inúmeros relatos sobre o ensino superior do Ielusc fizeram com que o Diretório Acadêmico Cruz e Sousa se manifestasse na última reunião de Colegiado, realizada no dia 19 de junho de 2010. Os representantes de turma, que também são integrantes do Diretório, demonstraram sua insatisfação com a administração geral do curso em relação à qualidade do ensino, infraestrutura e investimentos no corpo docente.

Durante os últimos anos, vários professores com boa titularidade e didática diferenciada se desligaram da faculdade. Muitos deles estão buscando crescimento profissional em outras instituições de ensino. Outros foram convidados a se retirar da instituição. O mais preocupante é que praticamente nada está sendo feito para substituir estes professores. Até agora, não houve um grande investimento para recompor o corpo docente do Ielusc. Ao invés de investir, a instituição está cortando horas e diminuindo os investimentos dos que ainda lecionam por aqui. O atual corpo docente se vê desmotivado em lecionar em uma instituição que não preza mais pela integração entre comunidade e academia. O ensino superior do Ielusc funciona praticamente à noite. Durante o dia, os alunos de ensino médio, impulsionados pela lógica de "cursinho pré-vestibular", na maioria das vezes, sequer fazem ideia da existência de curso superior no próprio Bom Jesus/Ielusc.

Alguns desses fatores são responsáveis por todo esse pessimismo transmitido de professor para aluno, e vice-versa. Estamos preocupados, pois o curso de Comunicação, como referência, está deixando de existir. Os corredores estão cada vez mais vazios, igualmente as salas de aula. No ano de 2008, a turma de calouros de jornalismo iniciou o ano letivo com praticamente 60 alunos. Três anos depois, menos de dez alunos estão matriculados em todas as disciplinas do 6º semestre. Existem problemas graves que o diretório está tentando desvendar com a coordenação e o corpo docente do curso.

Estamos cientes da crise nacional do ensino superior. Compreendemos que o Bom Jesus/Ielusc está no mesmo barco que todas as outras universidades brasileiras e, por este motivo, gostaríamos de entender totalmente a lógica que motiva as demissões e os cortes financeiros em nosso curso. Estamos promovendo debates e recolhendo mais relatos sobre o curso. Nosso objetivo é identificar problemas pedagógicos e administrativos em nossa instituição. Porém, toda e qualquer reclamação informal sempre esbarra na mesma resposta: "Problemas financeiros”.

Desta forma, compreendemos que uma das primeiras medidas a se tomar para ajudar os acadêmicos e a instituição a entender o problema e, sobretudo, resolvê-lo de uma vez por todas, é ter acesso aos processos administrativos e financeiros em que o nosso ensino se encontra. Solicitamos inicialmente, por esta carta, a prestação de contas da administração geral da faculdade para o Diretório Acadêmico Cruz e Sousa.

Joinville, 28 de junho de 2010.





DACS – Diretório Acadêmico Cruz e Sousa
GT de Administração e Finanças

Contatos:
dacs.praxis@gmail.com.br
blogdodacs.blogspot.com
orkut: DACS - IELUSC
Telefone para contato: 88368736







*O DACS é um diretório horizontal, administrado através de Grupos de Trabalho (GTs). Todos os estudantes de comunicação social podem fazer parte desta estrutura. A carta foi elaborada dentro pelo GT de Administração e finanças.

1 comentários:

Vinícius Krüger Martins disse...

Isso tudo, claro, sem redução alguma na mensalidade e cada vez com mais perrengues aos alunos no meio das mudanças de grade e sistemas de avaliação.

29 de junho de 2010 15:01

Postar um comentário